Conheça 4 doenças causadas pelo excesso de álcool

“Tem gente que já está com o pé na cova, não bebeu e isso prova que a bebida não faz mal”. O trecho da canção cantada por Elza Soares, apesar da boa rima com o restante da letra, não poderia estar mais errada. O excesso de álcool pode sim ser bastante prejudicial e causar diversas doenças no organismo.

Entre os problemas causados pelo consumo excessivo do álcool, destacam-se a falha na memória, lentidão e perda da coordenação motora etc. Além disso, hepatite e alguns tipos de câncer também estão relacionadas ao hábito. Para saber mais sobre a relação do álcool com o desenvolvimento dessas e de outras doenças, continue a leitura.

1. Hepatite

Mesmo que pareça uma prática comum e inofensiva, o excesso de álcool pode trazer sérios riscos à sua vida. Um deles é a hepatite, ou cirrose hepática, uma das doenças causadas pelo alcoolismo com maior incidência. Ela consiste em uma inflamação no fígado que tem como sintomas o inchaço no abdômen e a pele e olhos amarelados.

Por causa dessa doença, o seu fígado vai se degenerando e, em seu estado mais grave, 55% dos pacientes não resistem e morrem. Por isso, principalmente aqueles que consomem pelo menos 80 g de álcool diariamente, durante cerca de cinco anos ou mais, estão no grupo de risco e devem ter atenção redobrada.

2. Gastrite

Outra doença inflamatória muito comum causada pelo excesso de álcool é a gastrite. Dessa vez, o seu estômago é a vítima. Por isso, é natural que, ao ingerir qualquer alimento, você sinta um grande desconforto. Seus sintomas incluem a perda de apetite, vômitos, náuseas e azia, isso devido à mucosa do estômago, que está irritada.

Felizmente, apesar de comum, essa doença tem cura. Para isso, é necessário regular a alimentação e evitar o consumo de álcool, mesmo aquelas bebidas com baixo teor, como a cerveja e o vinho.

3. Impotência ou infertilidade

Segundo pesquisas, 72% daqueles que consomem álcool em excesso reclamaram de problemas com a sua sexualidade. Afinal, o álcool é uma das principais causas de redução do desejo sexual. Isso porque ele tem uma atuação depressora no sistema nervoso.

Outros problemas que ainda podem surgir com o excesso de álcool são a infertilidade, que pode ser causada pela desregulação da menstruação, e problemas na qualidade dos espermatozoides.

4. Câncer

Há alguns estudos que mostram a ligação direta do consumo abusivo de bebidas alcoólicas com o aparecimento de até sete tipos de câncer: esôfago, laringe, faringe, cólon, reto, fígado e mama. Existem algumas hipóteses para explicar esse dado, incluindo os grandes danos que a bebida causa aos tecidos do corpo, redução dos níveis de ácido fólico e de outros nutrientes, além dos efeitos sobre o estrogênio e demais hormônios.

Por isso, preste atenção aos sintomas, mas saiba, também, que muitas doenças podem ser silenciosas e ainda assim devastadoras. Tenha em mente que, quando você achar que está se tornando tolerante à bebida, é sinal de que seu organismo está se adaptando a ela e isso pode ser muito perigoso.

Não evite procurar ajuda médica caso haja o excesso de álcool na sua rotina. Considere adotar o consumo consciente, deixando a bebida apenas para comemorações com os amigos e outros eventos festivos.

Se este post foi útil para você, assine nossa newsletter e receba outros conteúdos sobre saúde e bem-estar diretamente por e-mail!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.